Buscas relacionadas:

dissipadores de calor

Os dissipadores de calor são peças indispensáveis de máquinas utilizadas em indústrias, comércios e residências. Fabricados com materiais metálicos, como o alumínio e o cobre, os itens proporcionam o resfriamento rápido e seguro de componentes eletrônicos e previnem, inclusive, incêndios. Conheça melhor as vantagens do produto conferindo os tópicos abaixo!

  • O que é e para que serve um dissipador de calor?
  • Como funcionam os dissipadores de calor?
  • Tipos de dissipadores de calor
  • Vantagens dos dissipadores de calor
  • Como escolher o melhor dissipador de calor?

O que é e para que serve um dissipador de calor?

Os dissipadores de calor são peças fabricadas com materiais que conduzem calor com facilidade, como o alumínio e o cobre. 

O principal objetivo deles é evitar que componentes eletrônicos superaqueçam e danifiquem o equipamento em que estão inseridos. 

Diante disso, não é exagero afirmar que o dissipador calor é fundamental para melhorar o desempenho e prolongar a vida útil de dispositivos como computadores, transistores, amplificadores, etc. 

Graças à sua importância, é comum encontrá-lo em indústrias, comércios, residências e muitos outros ambientes. 

Como funcionam os dissipadores de calor?

O calor gerado dentro de um componente costuma se acumular em suas junções. Por isso, essas áreas são os focos da operação dos dissipadores de calor

Quando as junções de uma peça atingem uma temperatura elevada, o dissipador aumenta as superfícies desses pontos, o que permite ao calor “escapar” com maior rapidez e facilidade.

Tecnicamente, a transferência de calor é realizada a partir de um circuito térmico que envolve inúmeras etapas. no interior do dissipador.

As que mais se destacam são: a resistência térmica que passa da superfície da peça ao dissipador, a inércia térmica do dissipador e a resistência térmica entre o dissipador de calor e o ambiente. 

Tipos de dissipadores de calor

Existem três tipos principais de dissipadores de calor no mercado, conforme destacado na listagem a seguir: 

  • Dissipadores estampados: São comumente utilizados em placas eletrônicas, e estão disponíveis em uma variedade de formatos.  
  • Dissipadores por extrusão: Apresenta alta potência, com capacidade para dissipar grande quantidade de calor. Por esse motivo, são usados em amplificadores e fontes de alimentação. 
  • Dissipadores fundidos: Presente em sistemas de ventilação forçada, passam por um processo de fundição para operar. 

Vantagens dos dissipadores de calor

Sem dissipadores de calor não seria possível resfriar os componentes presentes em equipamentos eletrônicos. 

Como consequência, todos os sistemas que compõem os aparelhos correriam sérios riscos de colapsarem, além da possibilidade de ocorrer um incêndio!  

Portanto, a segurança é a primeira grande vantagem de um dissipador térmico. No entanto, seus benefícios não se limitam a esse fator.

Isso porque os dissipadores de calor são projetados para funcionarem por longos períodos com máxima performance.

O desempenho e estabilidade das máquinas que contam com as peças também são aprimorados, já que, ao operarem com a temperatura adequada, apresentam maior velocidade e uma redução no número de falhas. 

Sendo assim, um painel eletrônico pode contar com um dissipador de calor LED para passar várias horas ligados com chances mínimas de erros operacionais, por exemplo. 

Por fim, os dissipadores de calor são projetados em diferentes tamanhos e formatos, a fim de que se encaixem em qualquer sistema eletrônico com precisão. 

Como escolher o melhor dissipador de calor?

A melhor dica para escolher dissipadores de calor com assertividade é procurar fornecedores especializados no segmento. Mesmo assim, é interessante saber quais fatores devem ser analisados no momento da aquisição.

Por exemplo, o desempenho do dissipador calor está relacionado à capacidade de dispersão térmica que oferece. 

Se a máquina em questão possui uma tendência natural a superaquecer durante suas operações, é indicado optar por dissipadores mais potentes em sua composição.

As características do equipamento que receberá o dissipador calor também são importantes.

Se houver muitas peças em um espaço reduzido, é recomendável instalar dissipadores compactos, a fim de não causar colisões com os demais componentes. 

Para finalizar, o material do dissipador é um critério essencial para considerar no momento da escolha, pois afeta diretamente o seu valor de venda. 

É possível encontrar até mesmo um dissipador calor feito de ouro, que apresenta design luxuoso e possui uma excelente capacidade de condução térmica. Contudo, o seu preço é mais alto do que o de alumínio, cobre ou outros metais. 

Quer encontrar os melhores vendedores de dissipadores de calor do mercado? Você está no lugar certo! Faça uma cotação gratuita com os parceiros do Soluções Industriais agora mesmo! 

Mas caso deseje mais informações sobre o dissipador calor, leia o conteúdo que disponibilizamos para você no final da página!

Ver maisVer menos

dissipadores de calor

Os dissipadores de calor existem para preservar a integridade de máquinas e equipamentos, além de aprimorar seus desempenhos. 

Esses itens mantêm a temperatura de componentes eletrônicos ideal para que funcionem plenamente, eliminando o risco de interrupção em operações, especialmente nas indústrias e comércios.

Além disso, o dissipador calor é projetado para suportar longos períodos de atividade. Um painel eletrônico que fica ligado por várias horas, por exemplo, precisa ter esse dispositivo para resfriá-lo. 

Agora que você já sabe tudo sobre dissipadores de calor, solicite um orçamento no Soluções Industriais e aproveite as ofertas imperdíveis disponibilizadas por nossos parceiros!

Galeria de Imagens

Estas imagens foram obtidas em bancos de imagens públicas e disponíveis livremente na internet

close

Envie um orçamento para

É GRATIS, rápido e sem compromisso!

Navegação