Buscas relacionadas:

Solvente químico

O solvente químico é capaz de dissolver diferentes materiais e substâncias (solutos). Ele é encontrado em várias versões, como os alcoóis, as cetonas e os hidrocarbonetos, e serve para realizar desde limpezas industriais pesadas até manutenções em automóveis e aeronaves. Quer entender melhor sobre o produto? Então, confira os tópicos listados abaixo!

  • O que é um solvente químico?
  • Tipos de solventes químicos
  • Cuidados importantes com o uso do solvente químico
solvente químico

O que é um solvente químico?

O solvente químico é um produto que tem a capacidade de dissolver diferentes substâncias, chamadas de solutos, para formar uma solução homogênea.

Por conta dessa função, os solventes são utilizados em diversas atividades importantes, tais como limpeza de banheiros químicos, higienização de tecidos, revestimento e diluição de tintas, manutenção de automóveis e aeronaves, entre outras.

No ramo industrial, o item ainda é amplamente usado na fabricação de metais, produtos de limpeza, eletrônicos, papel, plástico, móveis, borracha e muito mais!

Um fato curioso sobre os solventes químicos é que todos apresentam as seguintes características em comum: 

  • São inflamáveis;
  • Apresentam alta volatilidade (capacidade de sair do estado líquido para o gasoso);
  • São solúveis em óleos e gorduras; 
  • Não reagem quimicamente com o soluto.

É importante citar que o solvente é geralmente escolhido com base na solubilidade do soluto e em suas propriedades químicas. Além disso, ele é geralmente comercializado no estado líquido, mas também pode ser encontrado em gás ou sólido.

Tipos de solventes químicos

Existem diversos tipos de solventes químicos disponíveis no mercado, conforme destacado na listagem a seguir: 

  • Hidrocarbonetos: São subdivididos em quatro tipos: os aromáticos, os alifáticos, os halogenados e os  alicíclicos. Normalmente, os hidrocarbonetos estão presentes na fabricação de borrachas, produtos desengraxantes e tintas; 
  • Álcoois: Os álcoois são utilizados principalmente como diluentes ou para higienizar ambientes e ferramentas; 
  • Cetonas: As cetonas são geralmente solicitadas para dissolver substâncias que são insolúveis em água. Além disso, é muito comum encontrá-las em misturas de resinas epóxi, tintas acrílicas e vinílicas;
  • Thinner: Formado por uma mistura de solventes, o Thinner é útil na diluição de alguns tipos de tintas e na limpeza de máquinas. No entanto, não pode atuar em conjunto com substâncias sintéticas ou à base de água; 
  • Éteres: Conhecidos por serem incolores no estado líquido, além de apresentarem um cheiro agradável, é comum que as indústrias apliquem os éteres como solvente de óleos, graxas, resinas e tintas.

Embora tenham classificações bem definidas, os solventes químicos podem constar em mais de uma categoria, quando são compostos por uma mistura de solventes. 

Cuidados importantes com o uso do solvente químico

Por se tratar de um produto químico, os solventes demandam cuidados relacionados à saúde das pessoas e ao meio ambiente, à integridade do local onde são utilizados e/ou armazenados e ao seu transporte e manuseio. 

As principais precauções necessárias serão apresentadas nos subtópicos a seguir: 

Saúde

O solvente químico deve ser mantido longe do alcance de crianças e animais de estimação. 

Além disso, o produto nunca pode ser inalado, ingerido ou colocado em contato direto com a pele e os olhos. 

Em caso de inalação, é necessário mover a vítima para um espaço arejado e mantê-la aquecida e relaxada. 

Se sua respiração estiver irregular ou for completamente interrompida, é indispensável que seja realizada uma respiração artificial. 

Já quando houver contato com a pele, é preciso remover o solvente químico usando óleo vegetal de cozinha e, em seguida, lavar a área com água por alguns minutos. 

Por sua vez, se o solvente químico entrar nos olhos, a primeira ação recomendada é remover as lentes de contato, caso estejam sendo usadas pela vítima. 

Logo após, deve-se lavar os olhos com água em abundância pelo período que o fabricante recomendar, deixando sempre as pálpebras separadas.  

Por fim, se o solvente químico for ingerido, é preciso evitar que a vítima vomite, pois a exposição repetida do esôfago e da boca às substâncias pode causar problemas mais graves. 

Também é importante ficar atento a sintomas como tonturas, dores de cabeça, fadiga excessiva e perda de consciência. 

Em qualquer uma das situações citadas acima, é recomendável procurar um médico e mostrar a embalagem do solvente químico ao profissional, especialmente se a pessoa afetada notar qualquer irritabilidade. 

Manuseio e transporte

O manuseio e transporte de um solvente químico, principalmente quando for realizado em volumes acima do indicado, deve ser feito com proteção para os olhos, nariz, mãos, braços e pernas.

A roupa dos trabalhadores responsáveis pelo serviço também precisa ser antiestática se houver a possibilidade de geração de energia elétrica estática. 

Também é recomendável utilizar máquinas e ferramentas quando o transporte envolver embalagens pesadas. 

Por fim, é importante citar que os processos precisam ser realizados de acordo com as normas de segurança estabelecidas pelos órgãos regulamentadores. 

Armazenamento 

O armazenamento de solventes químicos precisa ser feito em ambientes com acesso restrito e sinalizado, cobertos, bem ventilados e livres de umidade e luz solar. 

Além disso, é essencial que nenhum solvente químico compartilhe o mesmo espaço com alimentos, fontes de calor e ignição, bem como materiais inflamáveis, oxidantes e corrosivos.

Em relação ao espaço, é necessário garantir que o piso seja impermeável, não possua tendência à combustão e tenha valas de escoamento para um reservatório de contenção.

As instalações elétricas também devem estar em pleno funcionamento e com as manutenções preventivas em dia. 

Os tanques usados para guardar os solventes precisam ter um sistema de drenagem e diques de contenção para prevenir danos causados por eventuais vazamentos.

Já em caso de incêndio próximo às embalagens de solventes químicos, é recomendável removê-las de perto das chamas, se for possível fazer isso com segurança, ou resfriá-las lateralmente com água em forma de neblina.

Tanto em situações de vazamento como de incêndios, é indicado que as pessoas evacuem a área andando a favor do vento, a fim de evitar a inalação do solvente químico

Também é preciso impedir que o produto ou a água usada para impedir a propagação do fogo chegue a outros locais por meio de bueiros, canaletas ou galerias.  

Se houver a possibilidade de contaminação do meio ambiente, é preciso conter a substância com materiais inertes, como terra e areia. 

É importante destacar que apenas profissionais especializados devem realizar o combate aos acidentes e o descarte dos materiais retirados do espaço.

Quer encontrar os melhores fornecedores de solventes químicos em um só lugar? Faça sua cotação gratuita aqui no Soluções Industriais agora mesmo!

Mas caso deseje mais informações sobre o produto, leia o conteúdo que disponibilizamos para você no final da página!

Ver maisVer menos

Solvente químico

O solvente químico é um produto utilizado para uma série de aplicações, especialmente em fabricações industriais.

Por sua capacidade de dissolver diversos materiais e substâncias, o solvente também é ótimo para limpezas pesadas, inclusive em banheiros químicos.

Ficou interessado no produto? Solicite um orçamento aos fornecedores parceiros do Soluções Industriais e obtenha o auxílio de quem mais entende do assunto!   

Galeria de Imagens

Estas imagens foram obtidas em bancos de imagens públicas e disponíveis livremente na internet

close

Envie um orçamento para

É GRATIS, rápido e sem compromisso!

Navegação