Buscas relacionadas:

Torno Mecânico

O torno mecânico assegura velocidade e precisão para usinar, tornear ou consertar peças cilíndricas, cônicas, esféricas e de outras geometrias complexas. Essa máquina-ferramenta é capaz de fixar e girar o elemento trabalhado, a fim de permitir ao operador obter o resultado desejado em pouco tempo. Conheça melhor suas vantagens conferindo os tópicos abaixo! 

  • O que é torneamento?
  • O que é e para que serve o torno mecânico?
  • Tipos de torno mecânico
  • Como funciona o torno mecânico?
  • Onde é usado o torno mecânico?
  • Principais cuidados com o torno mecânico
  • Diferenças entre o torno mecânico e o torno CNC

O que é torneamento?

Torneamento é o nome dado a toda usinagem de componentes realizada por um torno mecânico ou CNC.

Resumidamente, a técnica consiste em cortar de forma rápida e precisa peças utilizadas nas mais variadas aplicações, a fim de atingir a forma e o acabamento necessários. 

Atualmente, existem quatro principais métodos de torneamento. Suas aplicações e características estão detalhadas no próximo subtópico.

Tipos de torneamento

Os torneamentos podem ser classificados como “externos”, “internos”, “de sangramento” ou “de faceamento”.

O primeiro tem como intuito adequar o diâmetro externo de uma peça com movimentos eficazes e seguros. 

Já no torneamento interno, a ferramenta de corte é empurrada para baixo, produzindo uma grande pressão sobre a matéria trabalhada. 

Por sua vez, o torneamento conhecido como sangramento promove cortes circulares nas peças e, por isso, a ferramenta de usinagem desloca-se de forma perpendicular em direção ao eixo principal. 

Por último, o faceamento é um processo feito para garantir que o elemento usinado fique com uma superfície plana.

Para isso, é necessário que a ferramenta de corte acompanhe a rotação da peça inserida no torno mecânico

Independentemente de qual seja o método empregado, esse processo de usinagem só pode ser desenvolvido por profissionais experientes. 

O que é e para que serve o torno mecânico?

O torno mecânico é uma máquina utilizada na usinagem de peças de metal, plástico e outros materiais. 

Este equipamento é capaz de girar o elemento trabalhado em alta velocidade, enquanto uma ferramenta de corte ou perfuração é aplicada para garantir a forma e o acabamento desejados. 

Alguns exemplos de itens que costumam ser usinados em um torno mecânico industrial incluem eixos, engrenagens, pinos, parafusos e buchas.

Para garantir essa versatilidade, o torno mecânico profissional pode ser equipado com acessórios versáteis, como a recartilha para torno, as brocas e as pinças. 

Além disso, é possível encontrar diversos tipos de tornos mecânicos no mercado, com diferentes tamanhos e capacidades.

Ferramentas para torno mecânico

Além das ferramentas que geralmente acompanham o torno mecânico desde a aquisição da máquina, como a recartilha, existem outros componentes que ajudam a obter resultados ainda mais precisos na usinagem de peças.

Rosqueadores, VDI, porta-cones, pinças, pontas rotativas e muitas outras peças são exemplos de acessórios que podem ser comprados separadamente e inseridos na estrutura de um torno mecânico profissional.  

Tipos de torno mecânico

Os principais modelos de torno mecânico e suas características estão destacados na listagem a seguir:

  • Torno horizontal: Instalado sobre uma bancada, opera com energia elétrica e é ideal para o torneamento de peças de tamanho e peso medianos;
  • Torno vertical: Possui uma mesa própria, que permite a usinagem de peças de todos os portes;
  • Torno revólver: Indicado para fabricação em larga escala, consegue trabalhar com vários componentes de maneira simultânea; 
  • Torno copiador: Atua com padrões extremamente bem definidos e movimentos em sincronia, a fim de reproduzir a mesma peça várias vezes;  
  • Torno de platô: Recomendado para trabalhos com elementos de dimensões específicas, como aros de rodas; 
  • Torno automático: Funciona a partir de movimentos de avanço, recuo e rotação pré-programados, seja da peça usinada ou da ferramenta de corte. 

É importante ter em mente que o preço de torno mecânico varia conforme o modelo escolhido e as funções que ele desempenha, ainda que o custo-benefício seja sempre vantajoso. 

Por isso, é importante tomar muito cuidado para selecionar a máquina-ferramenta mais compatível com às necessidades de uma indústria de usinagem. 

Independentemente do comprador ter ou não conhecimento técnico sobre tornos mecânicos, uma boa dica para tomar a decisão é consultar fornecedores de confiança antes de fechar negócio.

Bons vendedores de tornos mecânicos profissionais conseguem detalhar as funcionalidades básicas e recursos adicionais de cada modelo, recomendando a opção mais adequada à aplicação desejada pelo cliente. 

No Soluções Industriais, você encontrará vários representantes do segmento para te ajudar. Solicite um orçamento sem compromisso e tire suas dúvidas com quem mais entende sobre o equipamento!

Como funciona o torno mecânico?

O funcionamento de um torno mecânico é bem simples de entender, embora sua operação demande conhecimento técnico. 

Basicamente, a ferramenta de corte é posicionada no equipamento de modo que consiga remover camadas da peça, que fica fixada ao cabeçote do torno mecânico profissional. 

Com tudo encaixado, a máquina realiza movimentos rotativos controlados, que permitem o deslocamento da ferramenta de corte ou perfuração ao longo da peça. No procedimento mecânico, essa tarefa é feita com o apoio de um operador.

Os procedimentos são repetidos várias vezes, até que um resultado satisfatório na usinagem do elemento seja alcançado.

Onde é usado o torno mecânico?

Por conta de sua versatilidade, o torno mecânico é utilizado em diversos segmentos industriais, a fim de fabricar desde peças simples e pequenas até grandes e complexas. 

Na odontologia, por exemplo, um torno mecânico profissional serve para modelar componentes inseridos em aparelhos ortodônticos e próteses. 

Já no aeromodelismo, é comum utilizar um torno mecânico para reparar peças usadas no conserto de miniaturas de aviões. 

Outros segmentos que costumam contar com essa máquina-ferramenta são: 

  • Indústria metalúrgica; 
  • Indústria automotiva; 
  • Indústria aeroespacial; 
  • Indústria de eletrônicos; 
  • Indústria de moldes e peças;
  • Indústria de fabricação de equipamentos pesados;
  • Indústria de componentes de energia (turbinas, geradores, etc.).

Além disso, um torno mecânico profissional de qualidade pode auxiliar até mesmo na fabricação de joias, pois o segmento exige alta precisão e capricho no acabamento.

Esses são apenas alguns exemplos de aplicações de um torno mecânico, mas existem muitos outros motivos para adquirir a máquina, inclusive quando se leva em conta o aumento de produtividade que é capaz de proporcionar.

Principais cuidados com o torno mecânico

Assim como qualquer outra máquina, o torno mecânico exige cuidados básicos, como limpeza e manutenção.

A higienização diária das cavidades e reservatórios de um torno mecânico profissional é essencial para eliminar restos de fluidos e materiais sólidos que fiquem eventualmente presos nesses locais.

Esse processo deve ser realizado apenas com os produtos recomendados pelos fabricantes, a fim de evitar danos na máquina-ferramenta. 

Além disso, é indispensável verificar se a máquina está livre de oxidações e devidamente lubrificada.

As guias e barramentos de um torno mecânico precisam de um óleo limpo e de qualidade para deslizarem sem encontrar obstáculos no caminho. 

Outro ponto de atenção é a ferramenta de corte, que precisa sempre estar afiada, seja de forma manual ou com o auxílio de uma retífica.

É fundamental também que o torno mecânico e todas as suas peças passem por inspeções periódicas, feitas por profissionais especializados no equipamento. 

Por mais seguro que um torno mecânico profissional seja, sua operação envolve riscos, como cortes profundos e esmagamentos nos membros de quem o opera. 

Sendo assim, é imprescindível não apenas que cada componente esteja em pleno funcionamento, mas também que o trabalhador responsável por usinar peças no torno mecânico seja treinado para essa função.

Caso seja notada alguma imperfeição no funcionamento do torno mecânico, o serviço deve ser interrompido imediatamente e retomado apenas quando a falha for corrigida. 

Diferenças entre o torno mecânico e o torno CNC

As diferenças entre o torno mecânico e o torno CNC estão relacionadas a distinções estruturais e ao modo de operação de ambos os equipamentos.

Enquanto o torno mecânico profissional opera de forma manual, a máquina CNC obedece a comandos controlados por um computador.

Antes da usinagem começar em uma máquina CNC, é necessário desenvolver um protótipo em 2D ou 3D do produto final desejado em um software. 

Em seguida, o padrão desenhado é copiado em um programa de computador, que orienta de forma extremamente precisa os movimentos da ferramenta de corte, a fim de obter cópias fiéis do item projetado no software.

Com relação à estrutura, uma máquina CNC diferencia-se de um torno mecânico por apresentar uma área de corte confinada, além de um espaço para armazenar as ferramentas de usinagem. 

Para assegurar que a máquina não acumule restos de materiais, os modelos CNC ainda contam com um “transportador de cavacos”.

Agora que você já sabe as principais informações sobre os tornos mecânicos e como ele se diferencia do modelo CNC, que tal cotar o equipamento com os melhores fornecedores do mercado? 

No Soluções Industriais, você tem acesso a uma lista de representantes especializados no segmento de usinagem com tornos para comparar preços, tirar dúvidas e obter orientação na melhor decisão. Solicite um orçamento e aproveite!

E caso deseje mais informações sobre o torno mecânico profissional, leia o conteúdo que preparamos para você no final desta página!


Ver maisVer menos

Torno Mecânico

O torno mecânico é uma ótima opção para readequar o formato e o acabamento de peças com cortes precisos.

A máquina pode operar com uma variedade de ferramentas, incluindo recartilha para torno, rosqueadores, VDI, porta-cones, pinças, pontas rotativas, brocas, entre muitas outras que cumprem funções específicas na usinagem.

A versatilidade e alta produtividade de um torno mecânico fazem com que o equipamento esteja presente em diferentes segmentos, desde os que produzem componentes para aparelhos odontológicos até os que fabricam elementos para aviões. 

Agora que você já sabe tudo sobre o torno mecânico profissional, faça uma cotação no Soluções Industriais e seja atendido pelos melhores representantes do segmento.


Galeria de Imagens

Estas imagens foram obtidas em bancos de imagens públicas e disponíveis livremente na internet

close

Envie um orçamento para

É GRATIS, rápido e sem compromisso!

Navegação