Buscas relacionadas:

Purgadores de bóia

Os purgadores de boia são uma ótima solução para evitar riscos relacionados ao acúmulo de vapor saturado ou ar comprimido em equipamentos industriais. Esses dispositivos conseguem suportar temperaturas desfavoráveis e variações repentinas de pressão e vazão. Conheça melhor suas principais vantagens, características e aplicações nos tópicos listados abaixo!

  • O que são e para que servem os purgadores de boia?
  • Benefícios dos purgadores de boia
  • Como funcionam os purgadores de boia?
  • Aplicações dos purgadores de boia
  • Como fazer a manutenção dos purgadores de boia?

O que são e para que servem os purgadores de boia?

Os purgadores de boia são dispositivos muito utilizados em sistemas de vapor para remover condensado, função realizada com o auxílio de uma válvula de drenagem. 

Resumidamente, o condensado é formado quando o vapor volta ao estado líquido à medida que perde calor. Caso não seja removido, ele pode causar problemas graves, como redução da eficiência, corrosão e danos aos equipamentos.

O purgador tipo boia existe justamente para evitar esses riscos, uma vez que é capaz de liberar automaticamente o condensado acumulado no sistema de vapor. 

Vale citar ainda que o purgador boia não é o único modelo que realiza tal função. Outra opção popular é o purgador termodinâmico, capaz de trabalhar também com gases não condensáveis, como o ar. 

Tipos de purgadores de boia

Os purgadores de boia são classificados conforme o tipo de substância com o qual trabalham, como ar comprimido e vapor saturado. 

Resumidamente, o purgador tipo boia para ar comprimido consiste em válvulas de abertura e fechamento automático.

Com um funcionamento simples, esses purgadores agilizam as atividades das linhas de produção em que atuam. 

Por sua vez, o purgador de boia para vapor evita problemas como corrosão e redução de eficácia térmica nas máquinas.

Benefícios dos purgadores de boia

Os purgadores de boia desempenham um papel crucial em diversos sistemas industriais, proporcionando uma eficiente remoção do condensado:

  • Ótima capacidade de descarga: o purgador tipo boia para vapor ou ar comprimido de qualidade descarrega grandes quantidades de substâncias em pouco tempo;
  • Flexibilidade: o dispositivo é projetado para operar em condições adversas de temperatura, seja em ambientes muito quentes ou frios; 
  • Adaptabilidade: variações repentinas de vazão e pressão também não afetam os resultados dos purgadores; 
  • Resistência: o corpo de um purgador tipo boia é fabricado com materiais robustos, como o ferro, o que explica a resistência do dispositivo; 
  • Excelente vedação: esses componentes são conectados a outras estruturas por meio de roscas, algo que diminui consideravelmente o risco de vazamentos;
  • Itens adicionais: muitos modelos de purgadores podem ser equipados com eliminadores bimetálicos e de vapor preso.

Ao eliminar eficientemente o condensado, esses purgadores ainda ajudam a prevenir a corrosão e o acúmulo de sedimentos nos equipamentos, o que prolonga sua vida útil e garante um desempenho consistente ao longo do tempo.

Como funcionam os purgadores de boia?

Os purgadores de boia operam com base no princípio da flutuação, independentemente da constância da temperatura ou da velocidade dos equipamentos. 

Basicamente, uma boia dentro do purgador se move para cima e para baixo de acordo com o nível do condensado. 

Quando ele atinge um certo nível, a boia se eleva e abre uma válvula, permitindo que o condensado seja descarregado do sistema. Uma vez que o condensado é drenado, a válvula se fecha novamente.

Apesar de ser um processo rápido e simples, os purgadores de boia ajudam a manter a integridade e o desempenho dos equipamentos. 

Outros dispositivos essenciais em processos com vapor

Além do purgador tipo boia, existem outros dispositivos essenciais para o bom funcionamento de equipamentos e sistemas que utilizam vapor saturado. 

Por exemplo, o manômetro industrial é um instrumento de medição projetado para indicar a pressão do fluido em um sistema fechado. Ele é essencial para evitar problemas como sobrecarga ou baixa pressão. 

Também é muito comum encontrar transmissores nesses sistemas, divididos em várias subcategorias, como:

  • Transmissor de vibração: é um dispositivo utilizado para monitorar e transmitir informações sobre as vibrações presentes em máquinas e equipamentos industriais;
  • Transmissor de temperatura: este aparelho converte sinais de temperatura em sinais elétricos, que podem ser transmitidos para sistemas de controle ou monitoramento;
  • Transmissores de pressão: similar aos manômetros, eles convertem a pressão de um fluido em um sinal elétrico que pode ser monitorado e controlado. 

Outro dispositivo crucial é a válvula de segurança, que atua como um mecanismo de alívio de pressão em situações de emergência. 

Esse componente libera vapor excessivo para evitar danos aos componentes do sistema e, mais importante ainda, prevenir possíveis riscos para os operadores.

Além disso, os separadores de umidade desempenham um papel vital na remoção de condensado do vapor, pois contribuem para a qualidade do vapor saturado e evitam problemas de corrosão e erosão nos equipamentos. 

Aplicações dos purgadores de boia

Os purgadores de boia são bastante versáteis. Por isso, eles podem atuar em serpentinas, tanques, digestores, secadores, cilindros e trocadores de calor. 

Além dos equipamentos citados, é comum notar a presença dos purgadores em reservatórios e linhas de drenagem de ar comprimido, aquecedores e refrigeradores de ar.

Resumidamente, qualquer máquina que demande uma remoção rápida e segura de ar comprimido ou vapor saturado deve contar com um bom purgador tipo boia.

Otimize os seus sistemas com os purgadores tipo boia comercializados pelos parceiros do Soluções Industriais. Somos a maior plataforma B2B da América Latina, especializados em conectar clientes com ótimos fornecedores! 

E caso deseje saber como realizar a manutenção do componente, confira o conteúdo que disponibilizamos no final desta página! 


Ver maisVer menos

Purgadores de bóia

Como fazer a manutenção dos purgadores de boia?

Assim como qualquer dispositivo, os purgadores de boia demandam manutenções preventivas regulares. 

Durante os serviços, é essencial realizar uma inspeção visual para identificar qualquer sinal de desgaste, corrosão ou vazamentos, bem como a existência de obstruções ou sujeira nos canais por onde os fluidos são transportados.

Além disso, é importante checar o estado da boia, procurando por amassados ou excesso de água que poderiam comprometer sua operação. 

A posição da válvula e eventuais dilatações inadequadas são outros pontos de atenção durante a manutenção. 

Vale ressaltar que apenas serviços corretivos no purgador tipo boia não são suficientes para garantir a segurança e a eficiência de sistemas que operam com ar comprimido ou vapor saturado. 

Por esse motivo, também é fundamental realizar a manutenção de válvulas industriais, a calibração de manômetros e vários outros processos essenciais para uma operação segura. 

Quer adquirir um purgador tipo boia ou solicitar a manutenção do seu? Faça uma cotação no Soluções Industriais e seja atendido por quem mais entende do assunto!

Galeria de Imagens

Estas imagens foram obtidas em bancos de imagens públicas e disponíveis livremente na internet

close

Envie um orçamento para

É GRATIS, rápido e sem compromisso!

Navegação