Buscas relacionadas:

Tijolo De Isopor

O tijolo de isopor é uma grande inovação da construção civil, que tem conquistado cada vez mais espaço devido às suas propriedades únicas. Esse material leve e resistente ainda oferece uma economia significativa tanto para profissionais quanto para os solicitantes das obras. Conheça melhor suas características e modo de instalação conferindo este conteúdo! 

  • O que é e para que serve o tijolo de isopor?
  • Vantagens de uso do tijolo de isopor
  • Como é fabricado o tijolo de isopor?
  • Como colocar um tijolo de isopor?

O que é e para que serve o tijolo de isopor?

O tijolo de isopor, também conhecido como bloco de EPS (Poliestireno Expandido), é um componente muito utilizado na construção civil. 

Eles são empregados constantemente no levantamento de paredes, a fim de proporcionar um eficaz isolamento térmico e acústico às obras. 

Inclusive, o tijolo de isopor para parede substitui muito bem modelos convencionais feitos com argila, cimento, silicato de cálcio, entre outros materiais. 

A título de curiosidade, o tijolo isopor é fabricado a partir da placa de isopor, assim como um copo de isopor, que também serve para a produção de forros, sancas e cilindros. 

Vantagens de uso do tijolo de isopor

Além de garantir isolamento térmico e acústico, o tijolo de isopor oferece outras importantes vantagens, conforme destacado nos tópicos a seguir: 

  • Adaptação a diferentes revestimentos: O tijolo isopor pode ser coberto com as mesmas tintas e demais revestimentos que outros tijolos; 
  • Facilidade de corte: Por ser leve, o tijolo de isopor não apenas é fácil de se transportar, como também de cortar conforme às necessidades de cada projeto; 
  • Agilidade na construção: O manuseio simplificado do tijolo de isopor ainda contribui para reduzir significativamente o tempo de entrega da obra; 
  • Versatilidade: Além das paredes, os blocos de isopor para construção são aplicáveis a lajes, pisos e estruturas decorativas, como uma sanca de isopor;  
  • Redução de custos: A ótima capacidade de isolamento térmico dos tijolos elimina a necessidade do uso constante de sistemas de refrigeração, e assim gera economia na conta de energia. Aliás, o alívio no bolso é sentido já no planejamento da obra, pois o preço do tijolo isopor costuma ser menor que o de outros modelos;
  • Resistência: Embora seja leve, o tijolo de isopor é capaz de resistir a fortes impactos, acúmulo de umidade, exposição a determinados produtos químicos, entre outras situações adversas; 
  • Sustentabilidade: O isopor é um material reciclável e, portanto, não contribui para o acúmulo de lixo na natureza. 

Após conhecer esses benefícios, é interessante entender como acontece o processo de fabricação do tijolo isopor.            

Como é fabricado o tijolo de isopor?

O processo de fabricação do tijolo isopor consiste em uma sequência de etapas que resulta em um material eficiente e versátil na construção. 

Inicialmente, o isopor granulado passa por um estágio de pré-expansão, no qual é exposto ao vapor da água.

O vapor provoca o surgimento de pequenas células de ar na estrutura do isopor, que ajudam o material a adquirir suas ótimas propriedades físicas. 

Após essa fase, o isopor expandido é moldado em blocos, adotando formas semelhantes às dos tijolos convencionais, sendo os tijolo de isopor para parede

Dentro dos moldes, o isopor é submetido a calor e pressão, o que leva à solidificação de seu formato final, como um forro de isopor.  

Para concluir, o material é resfriado e, se necessário, cortado e alinhado para se adequar às necessidades dos compradores. 

Como colocar um tijolo de isopor?

A instalação correta do tijolo de isopor deve ser feita por profissionais qualificados, e a partir dos seguintes passos: 

  • Preparação da superfície: É necessário limpar e nivelar a superfície que receberá os tijolos; 
  • Escolha da argamassa: O profissional responsável pelo serviço deve selecionar uma argamassa de qualidade e adequada ao isopor, como um Cilindro De Isopor;
  • Aplicação da argamassa: Em seguida, a argamassa precisa ser espalhada de maneira homogênea nos locais de aplicação; 
  • Posicionamento dos tijolos: Com a argamassa aplicada, basta pressionar cada tijolo no seu respectivo espaço, mantendo o espaçamento adequado; 
  • Nivelamento: O próximo passo é verificar se os tijolos estão nivelados, e fazer as correções necessárias; 
  • Preenchimento de juntas: Quando os tijolos estiverem em sua posição final, basta preencher cada junta com a argamassa, removendo o excedente do material que escorrer e fazendo a acabamento estético; 
  • Cura: Para concluir o processo, é necessário aguardar o tempo de secagem total da argamassa, que pode variar conforme a qualidade do material e as condições climáticas. 

Ao seguir as recomendações mencionadas, certamente o resultado dos trabalhos serão muito duradouros. 

Procurando por tijolos de isopor de qualidade? Solicite sua cotação agora mesmo no Soluções Industriais e encontre as melhores opções para o seu projeto!

E caso tenha interesse em saber mais sobre esse tipo de tijolo, leia também o conteúdo disponível no final desta página!


Ver maisVer menos

Tijolo De Isopor

O tijolo de isopor é uma estrutura leve, resistente, versátil e sustentável, que surpreende até mesmo os profissionais mais experientes. 

Produzido a partir da placa de isopor, o material compõe paredes, pisos, lajes e outras superfícies funcionais e decorativas. 

Quer obter o tijolo isopor com o melhor custo-benefício do mercado? Faça já uma cotação no Soluções Industriais! 

Galeria de Imagens

Estas imagens foram obtidas em bancos de imagens públicas e disponíveis livremente na internet

close

Envie um orçamento para

É GRATIS, rápido e sem compromisso!

Navegação