Buscas relacionadas:

Purgador Termodinâmico

O purgador termodinâmico é um dispositivo utilizado em sistemas de vapor para eliminar automaticamente o condensado acumulado. Sua operação baseia-se no princípio do disco termodinâmico, que responde às mudanças de pressão e temperatura. Saiba mais sobre esse tipo de purgador, como ele funciona e suas principais vantagens conferindo o conteúdo a seguir!

  • O que é e para que serve o purgador termodinâmico?
  • Como funciona o purgador termodinâmico?
  • Características e vantagens do purgador termodinâmico
  • Modo de instalação do purgador termodinâmico e verificações necessárias
  • Cuidados necessários com o purgador termodinâmico e manutenção
  • Outros tipos de purgadores

O que é e para que serve o purgador termodinâmico?

O purgador termodinâmico é um dispositivo muito utilizado em sistemas de vapor para remover automaticamente o condensado (água) acumulado, bem como o ar e outros gases não condensáveis presentes nas linhas de produção. 

Sua principal função é garantir que o vapor circule de forma eficiente e contínua, a fim de evitar perdas energéticas e reduzir os riscos de danos aos equipamentos industriais. 

Com o purgador termodinâmico, o processo de drenagem do condensado é realizado de forma automática, tornando-o uma peça essencial para a eficiência e segurança de diversos processos.

Como funciona o purgador termodinâmico?

O funcionamento do purgador termodinâmico é baseado nos princípios da termodinâmica, como o próprio nome sugere. 

Esse dispositivo possui uma válvula sensível à temperatura que se abre e fecha em resposta às variações térmicas no sistema de vapor. 

Quando o vapor quente entra no purgador, a temperatura interna aumenta e a válvula se abre, permitindo a saída dos gases e do condensado acumulado. 

Já quando a temperatura diminui, o que indica a presença de condensado frio, a válvula se fecha, a fim de impedir a fuga de vapor e minimizar perdas energéticas.

Características e vantagens do purgador termodinâmico

O purgador termodinâmico possui diversas características e vantagens que o tornam uma escolha popular em aplicações industriais, como: 

  • Operação automática: o purgador de vapor termodinâmico não requer intervenção manual para funcionar. Isso torna a operação do sistema mais simples e eficiente;
  • Alta capacidade de drenagem: o design termodinâmico possibilita que o purgador lide com grandes volumes de condensado em curtos períodos;
  • Resistência a golpes de aríete: a construção robusta dos purgadores termodinâmicos permite que eles resistam a choques térmicos e pressões abruptas, evitando danos ao sistema de vapor;
  • Adaptação a diferentes pressões: os purgadores termodinâmicos são versáteis e podem ser usados em sistemas de vapor com diferentes faixas de pressão;
  • Baixa manutenção: devido à sua operação automática e à simplicidade de seu funcionamento, o dispositivo requer pouca manutenção ao longo do tempo, o que reduz custos a longo prazo.

Com isso, é evidente que o purgador termodinâmico é uma opção vantajosa para empresas que buscam melhorar a eficiência e segurança em seus sistemas de vapor, além de contribuir para práticas sustentáveis ao reduzir o desperdício de energia. 

Modo de instalação do purgador termodinâmico e verificações necessárias

A instalação dos purgadores termodinâmicos em tubulações verticais e horizontais requer atenção especial para garantir o seu funcionamento eficiente e a segurança do sistema de vapor. A seguir, estão algumas considerações importantes a serem observadas:

Escolha do local

Os purgadores termodinâmicos são geralmente instalados na parte inferior da tubulação de vapor, próximo a pontos de acúmulo de condensado. Isso permitirá que o dispositivo drene o condensado de forma eficiente.

Certifique-se de que o local de instalação do purgador seja seguro e acessível. Se necessário, utilize uma bancada para organizar as ferramentas e instrumentos durante a instalação.

Análise geral do sistema

Antes da instalação, é crucial realizar uma análise detalhada do sistema de vapor no qual o purgador termodinâmico será incorporado. 

Considere a pressão de operação, a faixa de temperatura, o fluxo de vapor e outras características específicas do sistema. 

Certifique-se que o purgador selecionado seja adequado para lidar com as condições do sistema, garantindo assim sua eficiência e durabilidade.

Natureza dos fluidos na tubulação

Verifique quais líquidos ou gases estão presentes nas tubulações e se são inflamáveis ou operam em altas temperaturas. 

Essa análise é importante para a segurança da instalação e para evitar riscos relacionados aos fluidos transportados.

Equipamentos de Proteção Individual (EPIs)

Assegure que todos os trabalhadores envolvidos na instalação utilizem os EPIs adequados, conforme regulamentação e normas de segurança vigentes.

Ambiente ao redor

Verifique se o ambiente ao redor do equipamento não apresenta riscos, como áreas propensas à explosão, temperaturas elevadas, gases tóxicos, operações de solda, máquinas em movimento ou ruídos excessivos.

Após a instalação, realize testes para garantir que todo o sistema esteja protegido e funcionando perfeitamente. Verifique a pressão, as vedações e todos os pontos cruciais do sistema.

Seguindo essas medidas e cuidados, a instalação do purgador termodinâmico ocorrerá de forma segura e eficiente, o que garantirá a integridade do sistema de vapor e a proteção dos trabalhadores envolvidos. 

Cuidados necessários com o purgador termodinâmico e manutenção

Assim como qualquer equipamento industrial, o purgador termodinâmico requer cuidados adequados para garantir seu funcionamento eficiente e prolongar sua vida útil. A seguir, destacam-se as principais medidas de manutenção que devem ser adotadas:

  • Drenagem de ar nas linhas de alimentação: antes de iniciar o funcionamento do sistema, é importante drenar o ar presente nas linhas de alimentação. Isso evita bloqueios e problemas no purgador, garantindo um fluxo contínuo de vapor;
  • Proteção contra congelamento: em regiões com temperaturas baixas, é necessário adotar medidas para evitar o congelamento do purgador e das tubulações. O uso de isolamentos térmicos adequados pode prevenir danos causados pelo frio extremo;
  • Monitoramento regular: realizar um monitoramento periódico do purgador termodinâmico é fundamental para identificar qualquer anomalia ou mau funcionamento;
  • Limpeza e desobstrução: manter a tubulação de vapor limpa e livre de sujeira é essencial para garantir o funcionamento adequado dos purgadores;
  • Supervisão técnica: em casos de manutenções mais complexas ou reparos, é recomendado contar com a supervisão técnica de profissionais especializados em sistemas de vapor e purgadores termodinâmicos.

Ao manter esses cuidados com os purgadores termodinâmicos, é possível assegurar seu desempenho eficiente na remoção de condensado e impurezas do sistema de vapor.

Outros tipos de purgadores

Além dos purgadores termodinâmicos, há uma série de modelos disponíveis no mercado, cada um com características e princípios de funcionamento distintos. Abaixo estão os principais tipos de purgadores utilizados em sistemas de vapor industrial:

Purgador termostático

O purgador termostático possui um elemento sensível à temperatura que atua na abertura e fechamento da válvula. 

Quando o condensado atinge uma temperatura pré-determinada, o elemento se expande e abre a válvula, a fim de permitir a drenagem. Já no momento que a temperatura cai, o elemento contrai e fecha a válvula.

Purgador de boia

Os purgadores de boia utilizam uma boia para abrir e fechar a válvula de drenagem. Quando o condensado se acumula no interior do purgador, a boia flutua no nível do líquido. 

À medida que o nível de água formada pela condensação do vapor aumenta, a boia sobe e, quando atinge um nível pré-determinado, a válvula de drenagem é aberta para permitir que o condensado seja expelido do sistema.

Purgadores termodinâmicos com filtro

O purgador termodinâmico com filtro possui um elemento filtrante incorporado, que ajuda a remover impurezas do vapor ou ar comprimido antes que eles cheguem ao mecanismo do purgador. 

Ele é responsável por eliminar o condensado por meio de um disco termodinâmico que se move em resposta às mudanças de pressão e temperatura. 

É importante ressaltar que a escolha do tipo de purgador mais adequado para cada aplicação deve ser feita com base em uma análise detalhada das necessidades e características do sistema de vapor específico.

Tem dúvidas sobre como escolher os melhores purgadores para vapor ou quer encontrar fornecedores especializados? Solicite agora mesmo um orçamento no Soluções Industriais e entre em contato com nossos parceiros especializados! 

Você também pode conferir mais detalhes sobre os purgadores termodinâmicos no conteúdo disponibilizado no final desta página. Confira! 

Ver maisVer menos

Purgador Termodinâmico

O purgador termodinâmico é um dispositivo utilizado para eliminar automaticamente o condensado que se acumula em sistemas de vapor ou ar comprimido. Ele opera com base nas mudanças de pressão e temperatura do fluido. 

Quando o condensado se acumula, o disco termodinâmico responde a essas variações, o que permite que a água formada pela condensação do vapor seja drenada do sistema, enquanto retém o vapor. 

Vale mencionar que os purgadores termodinâmicos são apenas um dos muitos modelos que existem. Além deles, é possível adquirir purgadores de boia, termostáticos, com filtro, etc. 

Se você se interessou pelo produto, solicite um orçamento no Soluções Industriais para comparar os preços dos melhores fornecedores do mercado!


Galeria de Imagens

Estas imagens foram obtidas em bancos de imagens públicas e disponíveis livremente na internet

close

Envie um orçamento para

É GRATIS, rápido e sem compromisso!

Navegação